You are currently viewing Benefícios do Kefir

Benefícios do Kefir

Tem conteúdo no ar! Essa semana a Nutri Jr. traz um tema especial: Benefícios do Kefir. A redação foi elaborada pelas graduandas do curso de nutrição da UFSC, Daniele Hilleshein e Mariana Sander, que trouxeram um pouquinho sobre o probiótico e como cultivá-lo!


Benefícios do kefir

O que é esse Kefir que tanto falam ultimamente e virou moda se ter em casa? Ganhou algum grão e não sabe o que fazer com ele? Entenda um pouco mais sobre esse probiótico que nos traz muitos benefícios.

O kefir – ou Quefir -, deriva do turco e significa ‘bem estar’. Ele é uma bebida fermentada, formada por leveduras e bactérias ácido-láticas, e se tornou famoso pelas suas propriedades terapêuticas e probióticas, que auxiliam na regulação do intestino. Algumas pessoas acabam usando o kefir como forma de emagrecimento, pois ele é um alimento que proporciona saciedade; porém, não podemos esquecer que nenhum alimento isolado faz milagre, portanto ele pode ser utilizado como um complemento para uma alimentação bastante rica em nutrientes!

Apesar de aparecer na mídia recentemente, ele já é cultivado há séculos e utilizado na medicina asiática e europeia. Segundo a tradição, os caucasianos dizem ter recebido os grãos de Kefir das mãos do profeta Maomé, que por sua vez os recebeu das mãos de Alá, e até hoje o passam de geração em geração. Uma curiosidade é que os grãos são doados, como um ato de carinho para aquele que recebe, o que ajuda a difundir o grão no mundo. Ele também é conhecido pelas nomenclaturas: Cogumelos Tibetanos, Plantas de Iogurte, e Cogumelos de Iogurte.

Suas contribuições são variadas: ajudam a fortalecer o sistema imunológico do corpo, trata doenças inflamatórias ocasionadas no intestino, ajuda na construção da densidade óssea prevenindo a osteoporose, luta contra alergias, melhora a digestão da lactose, diminui a constipação intestinal, mata o fungo que causa a doença Candidíase, e ajuda na desintoxicação do organismo. A sua principal função é a ação probiótica, auxiliando o bom funcionamento do trato gastrointestinal.

O kefir de leite vem da fermentação do leite de vaca, de ovelha, ou de cabra, e tem o gosto muito parecido com aqueles iogurtes naturais sem açúcar vendidos em supermercados. Essa mistura de microrganismos benéficos, são fonte de vitamina B12, cálcio, magnésio, vitamina K2, biotina, enzimas e probióticos.

O Kefir de água, ou também chamado de tibico (tibi), tem origem um pouco diferente e seu modo de manutenção e consumo também. ​Os grãos transparentes e se alimentam de líquidos açucarados para produzir ácido láctico, álcool (etanol) e dióxido de carbono (CO2). Eles se multiplicam, consomem o açúcar, potencializam os minerais e em troca, fornecem uma bebida refrescante e levemente gaseificada. ​Pode ser utilizada junto com saquinhos de chá, ou com água saborizada ao seu gosto.

Orientações para o cultivo de Kefir de leite:

1. Coloque 1 colher (sopa) de grãos do Kefir em um vidro limpo.

2. Junte 500 ml de leite a temperatura ambiente (de vaca, búfala ou cabra).
3. Tampe sempre o recipiente em que seu kefir ficará (a solução ideal é usar um pano fixado por um elástico no bocal do recipiente), não deixe espaços ou furos, pois as formigas ou mosquinhas de frutas invadirão e poderão colocar ovos, que dificilmente poderão ser separados dos grãos de kefir, por causa da semelhança da cor, o destino será o descarte total do kefir.

4. Deixe em temperatura ambiente, ou guarde-o na geladeira em dias muito quentes.

5. O sinal de que a fermentação ocorreu é a coagulação do leite. Com o uso de um coador e um segundo recipiente, separe o leite fermentado dos grãos de kefir. Coe a cada 12 horas, 24 horas, como preferir.

6. Se esquecer, pode coar até depois de 72 horas, mas vai ficar muito ácido. Quanto mais tempo o produto fermentando, mais ácido ele fica devido a fermentação do açúcar e a produção de ácido lático. Por isso a troca do meio de cultivo é ideal.

7. Depois de coado, consuma o produto fermentado em até 3 ou 4 dias na geladeira.

Orientações para o cultivo de Kefir de água:

1. Prepare 250ml de água com 1 colher (sopa) de açúcar e coloque em um recipiente de vidro.

2. Adicione os grãos de Kefir – cerca de 3 a 4 colheres (sopa) para cada litro de água.

3. Cubra com um papel toalha ou um pano (gaze ou fralda funcionam bem) e prenda com um elástico e deixe fermentando entre 24 e 72 horas em temperatura ambiente e em local longe de luz.

4. Depois de fermentar, coe os grãos de kefir. Armazene o líquido fermentado em um recipiente com tampa.

5. Retorne os grãos para um recipiente com água de açúcar para reiniciar o processo.


Referências:

https://www.tuasaude.com/kefir/

http://nutricionista.com.pt/artigos/o-que-e-o-kefir.jhtml

http://www.andreamarim.com.br/blog.cfm?id=69

https://www.adrianalauffer.com.br/kefir-de-agua-com-acucar-mascavo/

http://www2.ufrb.edu.br/kefirdoreconcavo/

http://probioticosbrasil.com.br/index.php/probioticos/kefir-de-agua/


Daniele Hilleshein

Graduanda do Curso de Nutrição- UFSC

Diretora da Gestão de Pessoas da Nutri Jr.

 

Mariana Sander

Graduanda do Curso de Nutrição- UFSC

Assessora da Gestão de Pessoas da Nutri Jr.

 

Deixe uma resposta